31 dezembro 2010

RECEBI DE UMA AMIGA REPASSANDO

Neste ano que se inicia, abra os meus olhos,

os meus ouvidos, os meus sentidos

e o meu coração. Que eu veja além do comum.


Que eu enxergue, através dos homens,

o que há de melhor em cada um. 


Que eu ouça somente as palavras bonitas.


Que eu sinta apenas as coisas boas.


Que eu seja mais do que um simples mortal.


Que eu seja eterna como eterna deve ser a esperança. 


Que eu seja maior que a própria vontade de crescer. 


Que eu queira mais do que o próprio querer. 


Que eu seja mais do que esperam de mim.


Que eu possa expandir felicidade e perceber

na simplicidade o valor de todas as coisas. 


Que eu seja a semelhança do bem. 


Que todos que de mim se aproximarem

pressintam o amor que tenho a oferecer. 


Que eu nunca cobre nada dos outros,

mas cobre de mim. Que eu consiga me doar

sem esperar agradecimento. 


Que eu seja simples e grandiosa, como simples

e grandiosa é a criação. Que eu permaneça voltada

ao que é bom e precioso - a vida em toda

a essência de sua grandeza. 


E assim, serei humana e feliz,

humilde e poderosa, amante e amada.

Estarei pronta e de braços abertos para colher os frutos

de um novo tempo, que espera mais compreensão e

tolerância de cada um para todos os seres do universo.


Assim, teremos a verdadeira comunhão entre o ser e

o mundo que o acolhe - todos os seres inteirados, 

respeitando o espaço comum. E o mundo ficará bem melhor

e eu terei feito apenas, uma parte de tudo isso.


Aquela pequena parte que poderá ser a grande diferença. 

Que eu tenha a felicidade de ver meus amigos e familiares

unidos em um só pensamento, o de amor, paz e harmonia.


Que eu tenha a felicidade de um ser privilegiado por sua

bondade de encontrar no ano que se inicia um mundo melhor

para todos os seres do universo.


Então estarei em paz. 


Que assim seja